Get Even More Visitors To Your Blog, Upgrade To A Business Listing >>

CNR 2017 - Rali do Algarve (Dia 1)

No final do primeiro dia do Rali do Algarve, Carlos Vieira lidera um rali onde os pilotos locais conseguiram ser mais velozes do que os estrangeiros que participam na Taça Europeia de Ralis. Após a realização de cinco especiais, o piloto da Citroen tem uma vantagem de dez segundos exatos sobre o Skoda de Pedro Meireles.

Com o campeonato a decidir-se entre Pedro Meireles e Carlos Vieira, o rali começou com o piloto da Citroen a entrar a matar, ao vencer na primeira especial, no Marmelete, batendo Ricardo Teodósio (Mitsubishi Lancer Evo X) por 5.5 segundos, com o checo Ondrej Bisaha (Ford Fiesta R5) em terceiro, a 5.7. Atrás, Ricardo Moura sofreu um despiste e perdeu quatro minutos e 42 segundos, basicamente comprometendo o rali. Acabaria por desistir por causa dos danos, e depois explicou o que se passou.

"Não foi azar, foi um erro meu. No início do troço cortei demasiado uma curva resultando dois furos lentos. O carro ficou difícil e acabei por fazer um pião. Levamos o carro até ao fim da pec com cuidado para não prejudicar nenhum piloto que viesse atrás de nós. Como só tínhamos uma roda suplente tivemos de abandonar pois ainda haviam várias especiais para fazer", contou na sua página do Facebook.

Na segunda especial, a primeira passagem por Serenada, Vieira continuou a abrir a vantagem, vencendo a especial com uma vantagem de 9,2 segundos sobre Carlos Martins, noutro Citroen, subindo para o segundo posto. Meireles era quinto na especial, a 13,1 segundos. Na segunda passagem por Marmelete, Martins acabou por ser o vencedor, 0,7 segundos na frente de Pedro Meireles, mas Calos Vieira perdeu 22,2 segundos, perdendo também a liderança e caindo para o quarto lugar, agora com 4,6 de desvantagem.

Vieira atacou na segunda passagem por Serenada, vencendo e conseguindo um avanço de 7,6 segundos sobre Martins, subindo logo para o primeiro posto e deixando Pedro Meireles no terceiro lugar, a 7,2 segundos.

No final do dia, na super-especial de Lagos, Martins perdeu 16 segundos devido a um pião e caiu para o sexto posto da geral, com Vieira a ser o grande beneficiado desta situação. O checo Ondrej Bisaha, no seu Ford Fiesta R5, acabou por ser o melhor, 0,4 segundos à frente do irlandês Patrick Duffy. Carlos Vieira foi o melhor português, a 1,6 segundos do vencedor.

Com dez segundos entre Vieira e Meireles, da forma como as coisas estão, o piloto de Guimarães será campeão com um avanço de 8,34 pontos, pois no complicado sistema de pontuação dos ralis, para além dos pontos que existe do vencedor até ao décimo classificado, ainda tempos de contar com as vitórias em troços, que vale 0.38 pontos cada um.

O Rali do Algarve termina esta sábado, com a realização das restantes oito especiais de classificação.


This post first appeared on Continental Circus, please read the originial post: here

Share the post

CNR 2017 - Rali do Algarve (Dia 1)

×

Subscribe to Continental Circus

Get updates delivered right to your inbox!

Thank you for your subscription

×