Get Even More Visitors To Your Blog, Upgrade To A Business Listing >>

ESPN: “Investimento milionário em CT e menos dinheiro para salários: as contas do Flamengo para 2018” – Coluna do Flamengo

Depois de quase R$ 60 milhões gastos em 2017, o Flamengo pretende gastar menos na contratação de jogadores em 2018. A folha salarial também deve ser reduzida, enquanto o valor a ser investido em obras para melhorias do centro de treinamento do clube tende a aumentar.

Os números estão disponíveis no orçamento rubro-negro para a temporada, publicado no site oficial da equipe. O documento prevê receitas totais de R$ 477,2 milhões – inferior aos mais de R$ 630 milhões registrados em 2017 após a venda de Vinícius Junior –, com R$ 328,5 milhões em despesas.

Entre os gastos, o Flamengo projeta uma redução de quase R$ 4 milhões nas despesas com pessoal, reduzindo sua folha de R$ 183,3 milhões para R$ 179,4 milhões, queda de aproximadamente 2%.

Também é menor em relação a 2017 a verba reservada para o investimento em aquisição de direitos econômicos e federativos de jogadores. Enquanto no último ano, o valor gasto em contratações foi de R$ 58,8 milhões, para 2018, o clube projeta mais de R$ 10 milhões a menos: R$ 48,3 mi.

Já o dinheiro para obras nas instalações do clube aumentará. Foram R$ 32,5 milhões em 2017, e a previsão para 2018 é de R$ 37,3 milhões, crescimento de 14,8%. Dessa quantia, a maior parte, R$ 24 milhões, será direcionada ao novo centro de treinamento do time profissional, o Ninho do Urubu.

Nas receitas, a maior fonte de renda vindo da televisão, com R$ 218,9 milhões previstos entre direitos de transmissão e premiação de competições. O valor representa um crescimento de 9,4% em relação a 2017.

No detalhamento da receita prevista em cada competição, o maior aumento na comparação com o último ano aparece na Copa do Brasil, que reajustou o valor de sua premiação. O vice de 2017, por exemplo, rendeu pouco mais de R$ 2 milhões, enquanto, para 2018, o Flamengo orça R$ 5,7 milhões.

A previsão também cresce consideravelmente na Copa Libertadores, nesse caso, porém, em virtude da decepção de 2017. Eliminada na fase de grupos, a equipe recebeu apenas R$ 5,4 milhões. Já em 2018, quer R$ 11 milhões, quase 103% mais, valor pago para quem chegar até as quartas de final.

Em relação a transferências de jogadores, claro, a previsão é muito inferior ao último ano, que rendeu R$ 197,7 milhões com as vendas de Vinícius Junior e também Jorge, ao Monaco. Para 2018, o Flamengo espera arrecadar R$ 15 milhões.

Por fim, a expectativa é de que o programa de sócios-torcedores rubro-negro renda mais nesta temporada, em um aumento de quase 10%. Foram R$ 42,8 milhões arrecadados em 2017 e R$ 47 milhões previsto para 2018.

Orçamento Do Flamengo Em 2018
RECEITAS R$ MILHÕES
Direitos de transmissão 218,9
Patrocínio/Publicidade 101,9
Patrocínio incentivado 22,4
Bilheteria/Estádio 48,8
Sócio-torcedor 47
Transferência de jogador 15
Social/Amador/Outras 23
TOTAL 477,2

Reprodução: ESPN

Comentarios

comentário

Source link

O post ESPN: “Investimento milionário em CT e menos dinheiro para salários: as contas do Flamengo para 2018” – Coluna do Flamengo apareceu primeiro em Sports.



This post first appeared on Sports.tecnologiaforyou, please read the originial post: here

Share the post

ESPN: “Investimento milionário em CT e menos dinheiro para salários: as contas do Flamengo para 2018” – Coluna do Flamengo

×

Subscribe to Sports.tecnologiaforyou

Get updates delivered right to your inbox!

Thank you for your subscription

×