Get Even More Visitors To Your Blog, Upgrade To A Business Listing >>

Pronome do sujeito vs. Pronome do objeto

Tags: pronome frase

No último post da nossa série “Aprenda a falar inglês“, nós falamos um pouco da “Fórmula básica” que eu uso para ensinar os meus alunos a falarem em inglês mais facilmente e mais rapidamente. Porém no post de hoje eu vou me aprofundar um pouquinho mais em dois pontos daquela fórmula, o Sujeito e o complemento.

FÓRMULA BÁSICA

Como eu expliquei no post passado um sujeito por exemplo, pode tanto ser um nome próprio como Camila ou João, pode ser o nome de uma coisa como a palavra Bola ou Cordão. E além dessas duas possibilidades, um sujeito também pode ser descrito por um Pronome.

Na aula de hoje vamos focar em pronomes do sujeito e pronomes do objeto. Se vocês lembram da aula passada nós falamos um pouco em como o sujeito é aquele que pratica a ação do verbo e como o objeto, sendo parte do complemento, é a parte da Frase sobre a qual a ação do verbo recai. Um objeto nunca vai ser a parte da frase que pratica a ação do verbo.

Os pronomes do sujeito e do objeto são como a seguir:

Pronome do sujeitoPronome do objeto

IMe

YouYou

HeHim

SheHer

ItIt

WeUs

YouYou

TheyThem

O uso de cada pronome vai depender tanto de quem está recebendo a mensagem quanto sobre quem você está falando. O sujeito I (Eu), por exemplo, é utilizado para se falar de algo que você faz, sente, pensa, entre outros. Na frase “I love cake” (Eu amo bolo), é você quem ama, você só pode falar por si mesmo, agora seu você fala: “He loves cake” (Ele ama bolo), você está falando da preferência de outra pessoa, do sexo masculino, assim como se você falasse “She loves cake” (Ela ama bolo) você estaria falando das preferências de outra pessoa, só que agora do sexo feminino.

Portanto I (Eu) para falar de coisas sobre você, He (Ele) e She (Ela) para falar de coisas sobre outra pessoa, seja ela homem ou mulher, dependo do que você utilizar. Quanto ao pronome It (Isso/Ele/Ela) é importante explicar fazendo uma comparação com os pronomes He e She, porque esses são utilizados apenas para pessoas, agora o It tem o mesmo significado deles, mas dessa vez vai ser utilizado para falar de objetos ou animais, por exemplo, “It is a dog” (Isso é um cachorro), eu não posso escrever He is a dog” (Ele é um cachorro) porque um cachorro não é um ser humano, com animais eu devo utilizar o pronome It.

O próximo pronome é o You (Você/Vocês), se eu escrevo “You are learning English” (Você está aprendendo inglês), como eu utilizei o pronome You (Você) estou falando algo sobre você, a pessoa que está lendo este texto neste momento.

E assim segue para todos os outros pronomes, We (Nós) é utilizado para falar de algo em que você está inserido, por exemplo, “We are students” (Nós somos alunos), o que significa que tanto eu quanto você somos estudantes.

O pronome You se repete aqui tanto no singular para o pronome você quanto para o pronome no plural, vocês. Não há mudança na forma de se escrever, é necessário tentar entender pelo contexto qual o número da frase em questão, por exemplo, posso falar “You are a student” (Você é um aluno) ou falar “You are students” (Vocês são alunos), o simples fato de mudar algumas coisinhas na frase já muda o número dela, na primeira frase utilizamos o artigo indefinido “a” que é sempre usado no singular, além de usar a palavra Student (aluno/estudante) no singular. Já na segunda frase o artigo indefinido “a” some, e a palavra student vai para o plural: Students (estudantes).

Por último temos o pronome They (Eles), que é utilizado para falar de pessoas no plural, sejam elas do sexo feminino, masculino ou ambos, porém diferente do pronome We (Nós) você não está incluído nessa frase. Olhe alguns exemplos:

They are girls (Elas são garotas)

They are boys (Eles são garotos)

They are students (Eles/Elas são estudantes)*

*Nessa última frase não é possível definir o sexo das pessoas envolvidas a não ser que o contexto da frase seja ampliado.

Como disse anteriormente os pronomes do sujeito são utilizados para substituir nomes que seriam utilizados como sujeitos. Por exemplo, na frase “Carla is beautiful”, podemos substituir o nome Carla pelo pronome correspondente para uma pessoa do sexo feminino “She“, portanto a frase também poderia ser escrita da seguinte forma: “She is beautiful” (Ela é linda). E assim por diante, veja os exemplos:

Carlos is a doctor” (Carlos é um médico) – “He is a doctor” (Ele é um médico)

The dogs are cute” (Os cachorros são fofos) – “They are cute” (Eles são fofos)*

*Preste atenção que quando vai pro plural, a palavra dog, mesmo sendo um animal, não existe distinção para o uso do pronome They, independente de serem pessoas ou animais será sempre usado They.

Carla and I are intellingent” (Carla e eu somos inteligentes) – “We are intelligent” (Nós somos inteligentes)

Mas essa é apenas uma parte dos pronomes sobre os quais estamos discutindo aqui hoje, existem também os pronomes do objeto. Como dito anteriormente os objetos não praticam a ação do verbo e se encontram no complemento da frase. Então vamos olhar alguns exemplos para que eu possa explicar a diferença:

I love Carlos” (Eu amo o Carlos)

O pronome I é um pronome do sujeito, então está sendo usado corretamente. Agora, o pronome do objeto correspondente ao I (Eu) é o pronome Me (mim), porém eu não posso falar Me love Carlos” (Mim ama Carlos), porque o pronome Me não é um pronome do sujeito e sim do objeto. Porém se a frase fosse ao contrário “Carlos loves me” (Carlos me ama) então a frase estaria correta, porque eu não amo ninguém nessa frase, quem ama é o Carlos, então Carlos é o sujeito e eu sou apenas o objeto. Eu poderia reescrever essa frase colocando um pronome para Carlos também: “He loves me“, porque he é um pronome do sujeito. Porém eu não poderia reescrever essa frase utilizando Him (Ele), por exemplo, porque Him é um pronome do objeto.

Mas na frase anterior “I love Carlos” (Eu amo Carlos), eu poderia facilmente trocar Carlos pelo pronome Him, porque agora Carlos é o objeto, portanto “I love him” (Eu amo ele) é a frase correta. Me love Carlos, I love He e Him loves me, Me love him, todas essas frases estão completamente incorretas pelo uso inapropriado dos pronomes, é por isso que é tão importante entender sobre cada um deles.

Na lista lá em cima no post eu mostro exatamente quais são os correspondentes de cada pronome, do sujeito e do objeto, por isso vamos dar uma olhada no exemplo a seguir:

Carla loves cake” (Carla ama bolo) – “She loves cake” (Ela ama bolo) – “She loves it” (Ela ama isso)

Como é possível ver é apenas importante que se entenda o contexto de alguns pronomes para se saber exatamente do que se está falando, mas tirando isso o processo é bem simples.

Bom galera, eu espero que tenham gostado do conteúdo de hoje, eu tentei explicar da forma que pra mim faz mais sentido e da forma que eu achei até hoje que fosse mais fácil para os meus alunos entenderem do que eu estou falando. Se ainda houver alguma dúvida no assunto, por favor, deixe nos comentários que eu tenho certeza que a solução para a sua pergunta pode ajudar muita outras pessoas que estiverem a ler o blog. Obrigada por ficarem até aqui.

 

 




This post first appeared on Por Thais Ribeiro, please read the originial post: here

Share the post

Pronome do sujeito vs. Pronome do objeto

×

Subscribe to Por Thais Ribeiro

Get updates delivered right to your inbox!

Thank you for your subscription

×