Get Even More Visitors To Your Blog, Upgrade To A Business Listing >>

Camisinha desenvolvida a partir da grama é mais resistente e até 30% mais fina

camisinha de grama - tecbit

 

Imagine um preservativo que além de dar proteção não deixar perder a sensibilidade durante o ato sexual. Pesquisadores da Universidade de Queensland, na Austrália, desenvolveram uma camisinha mais fina e mais forte do que os existentes no mercado atualmente. Um dos materiais usado para produção do preservativo é a grama nativa.

No desenvolvimento da camisinha, os pesquisadores adicionaram a nanocelulose, ou seja, a polpa obtida a partir da grama do tipo spinifex, comum na Austrália e no Oriente Médio, e forçou o material a passar por um pequeno buraco sob alta pressão, para retirar os resíduos de madeira. Assim, sobraram apenas fibras de nanocelulose que podem ser misturadas a outros materiais, como o látex usado em camisinhas. O resultado obtido foi um produto mais resistente do que os de látex e com a espessura de um fio de cabelo humano. Segundo os responsáveis pela descoberta, isso implica em mais sensibilidade e, possivelmente, uma diminuição nos custos do produto, já que há uma significativa redução de materiais.

Conforme Darren Martin, um dos responsáveis pela pesquisa, a partir de mais um pouco de aprimoramento, é possível projetar um preservativo de látex que é cerca de 30% mais fino e que ultrapasse todos os padrões. Em um experimente ano passado, conseguiu chegar em 45 microns, algo em torno da largura de um fio de cabelo.

O resultado foi ótimo, pois, as novas camisinhas suportaram 20% mais pressão e expandiram até 40% mais do que as camisinhas tradicionais.  E eram 30% mais finas do que as proteções ultrafinas disponíveis no mercado, com 0,045 milímetros. Contudo, a ideia dos cientistas é aperfeiçoar o refinamento do material e reduzir ainda mais a espessura do produto final.

Essa descoberta pode contribuir também na produção de luvas cirúrgicas. Quanto mais fino o material, maior a sensibilidade do médico.

 

O post Camisinha desenvolvida a partir da grama é mais resistente e até 30% mais fina aparece primeiro no TecBit.



This post first appeared on TecBit – Site De Tecnologia E Ciências, please read the originial post: here

Share the post

Camisinha desenvolvida a partir da grama é mais resistente e até 30% mais fina

×

Subscribe to Tecbit – Site De Tecnologia E Ciências

Get updates delivered right to your inbox!

Thank you for your subscription

×