Get Even More Visitors To Your Blog, Upgrade To A Business Listing >>

Aparições e Assombrações

Acredita em fantasmas?
Alguma vez viu ou ouviu espíritos?
Será que eles existem?

Muitas pessoas acreditam e muitas outras não. A discussão é de há muito e parece que irá continuar por muito. Mas uma coisa é relevante – muitas pessoas cépticas, em determinado momento das suas vidas, passaram por situações que as despertaram para uma nova realidade, e tornaram-se crentes. Se isto acontece, e com pessoas perfeitamente saudáveis psíquica e emocionalmente, então alguma coisa deve significar...
Mas deixemos a crença de lado e presumamos que é verdade. Julgo que existe ainda bastante dificuldade em distinguir os espíritos que nos rodeiam, nomeadamente a diferença entre aparições e assombrações, sem dúvida muito distintas. Qual é, então, a diferença?

Aparição

Aquilo que normalmente conhecemos como “fantasma”, e que habita no mínimo o nosso imaginário na infância, uma aparição é exactamente aquilo que o termo indica – alguém que “aparece”. E esse alguém é o espírito de uma pessoa falecida, que se manifesta conscientemente de forma semelhante à de quando estava vivo. Portanto, comportamento e aparência serão idênticos.
aparissaoA aparição pode ser momentânea ou pode durar algum tempo, ainda que sempre curto. Pode acontecer por solicitação dos vivos que tentam estabelecer comunicação, ou por uma lembrança ou um mero momento em que alguém, supostamente já do “outro lado” quer manifestar que está por perto.
Pode ser que traga uma mensagem ou que queira somente dar um ar de sua graça. E também pode ser que a aparição seja de alguém ainda vivo que esteja no momento a passar por uma situação extrema e que nos apareça quer para pedir ajuda como para simplesmente dizer adeus – a chamada Aparição de Crise, mais comum vinda de alguém à beira da morte.
Acontece que a aparição é, provavelmente, a mais difícil de provar. Todos conhecemos as ilusões de óptica, às quais podemos juntar boa dose de imaginação e até mesmo sentimentos, quando acontece em momentos em que estamos mais frágeis. É difícil comprovar que vimos mesmo a pessoa, até porque muito raro é mais do que uma pessoa ver a mesma aparição no mesmo momento. Aliás, muito raro é algum de nós ver mesmo uma aparição. Por norma é nos sonhos que melhor conseguimos esse contacto. Mas raro não é impossível...
Seja como for, podemos encarar uma aparição como algo inofensivo, no sentido em que não tem intenção de ficar connosco nem de se envolver por demais na nossa vida.

Assombração
Ao contrário da aparição a assombração pode ser prejudicial à nossa vivência diária, mesmo que comece como algo inofensivo. Diz-se da assombração ser um espírito que permanece por um período de tempo mais longo (dias, meses) em determinado local ou “agarrado” a determinado objecto.
Pode inicialmente passar despercebido, mas não raro  é a determinada altura começar a manifestar-se, normalmente por ruídos e em casos extremos pela movimentação de objectos. Existem diversos tipos de assombrações, as mais graves conhecidas como poltergeist. Mas muitos apenas se manifestam para nos dar conhecimento de que ali estão e não têm qualquer intenção de nos prejudicar.
Também pode acontecer sermos assombrados por espíritos protectores, que por algum motivo se fixam por determinado tempo junto a nós com o intuito de nos proteger, mas estes por norma não incomodam e até passam despercebidos.

Não obstante qual a intenção dos espíritos ao assombrar alguém ou algum lugar convém lembrar que não há propriamente motivo para grande alarme. Devemos sempre lembrar que mais perigoso que um morto é um vivo.


Como sei se estou perante um espírito?

Existem alguns sinais habitualmente associados à presença de espíritos. Caso observe mais do que dois ou três dos sinais abaixo talvez esteja na altura de pesquisar mais a fundo:
-          Baixas de temperatura sem motivo aparente (lugar bem isolado, não há correntes de ar)
assombrassao-          Calafrios (sem baixar a temperatura)
-          Problemas eléctricos sem haver falhas de corrente
-          Objectos eléctricos (maior parte das vezes lâmpadas) que rebentam mesmo estando desligados
-          Baterias que descarregam de um momento para o outro ainda que tenham acabado de carregar minutos antes
-          Objectos que mudam de lugar
-          Objectos que caem
-          Portas e janelas que abrem e fecham sozinhas
-          Odores estranhos (agradáveis ou desagradáveis)
-          Som de passos
-          Vozes
 Pode também acontecer a alteração do comportamento das pessoas presentes. Por exemplo alguém que sinta uma tristeza enorme de um momento para o outro.


Importante é considerar que qualquer dos aspectos mencionados podem ter uma explicação que nada tenha que ver com espíritos. Por isso reforço que, ao verificar alguns destes pontos, o melhor é mesmo tentar pesquisar mais a fundo a sua origem antes de partir para uma explicação paranormal. Então, caso não consiga encontrar outra explicação, talvez esteja na hora de procurar ajuda!




This post first appeared on Olhar Espiritual, please read the originial post: here

Share the post

Aparições e Assombrações

×

Subscribe to Olhar Espiritual

Get updates delivered right to your inbox!

Thank you for your subscription

×