Get Even More Visitors To Your Blog, Upgrade To A Business Listing >>

6 Filósofos Brasileiros – Filosofia Brasileira

Olá pessoal hoje o demonstre traz uma lista de 10 Filósofos Brasileiros – Filosofia Brasileira, onde mostra a sua biografia, teorias e outras informações. Para ajudar no conhecimentos diversos sobre filosofia e sociologia.

6 Filósofos Brasileiros – Filosofia Brasileira

A filosofia do Brasil refere-se as atividades de reflexão filosófica foram trazida pelos padres jesuítas na segunda metade do século XVI com as atividades do descobrimento das Américas, e se estende até os dias atuais com o processo de profissionalização universitária.

Sílvio Romero – Filósofo

Sílvio Romero nasceu em Lagarto, em Sergipe, em 21 de abril de 1851. Cursou a Faculdade de Direito do Recife entre 1868 e 1873, diplomado em 1873, contemporâneo de Tobias Barreto. Nos anos 1870 colaborou como crítico literário em vários periódicos pernambucanos e cariocas. Em 1875 foi eleito deputado provincial por Estância, Sergipe. Radicou-se no Rio de Janeiro, onde obteve notoriedade, especialmente como crítico literário. Em 1878 publicou seus dois primeiros livros, A Filosofia no Brasil e Cantos do Fim do Século, o seu primeiro livro de poesia. O primeiro deles tinha a intenção de questionar o meio acadêmico e intelectual do Rio de Janeiro, assim como de exaltar as qualidades de Tobias Barreto, seu mestre e conterrâneo. Nessa obra critica com veemência as correntes de filosofia no país, em especial o espiritualismo e o positivismo.

Foi um advogado, jornalista, crítico literário, ensaísta, poeta, historiador, filósofo, cientista político, sociólogo, escritor, professor e político

Sílvio Romero – Pensamento

Sílvio reivindicava para o Brasil o “pensamento autonômico”, e optaria pelo “evolucionismo spenceriano, no qual os fatores biológicos dariam um suporte maior à sua crítica sociológica”. A obra de Sílvio, desde os primeiros ensaios publicados em periódicos do Recife, na década de 1870, situa-se sob o signo do embate e da polêmica, e estende-se desde a poesia, crítica, teoria e história literária, folclore, etnografia, até estudos políticos e sociológicos.

Vídeo sobre Sílvio Romero:

Roberto Gomes – Filósofo

Filho de um jornalista, nasceu em Blumenau. Viveu numa casa na beira do rio, onde na parte dianteira funcionava as oficinas do jornal que o pai editava. Em 1979 obteve o Prêmio José Geraldo Vieira com o romance Alegres memórias de um cadáver. Escreveu outros romances, como Antes que o teto desabe (1981), Terceiro Tempo de Jogo (1985) e Os Dias do Demônio (1995) e Todas as casas, de 2004.

É um escritor brasileiro. Reside desde 1964 em Curitiba, Paraná. Publicou romances, contos, crônicas, literatura infantil, além de traduções. Sua primeira obra, Crítica da Razão Tupiniquim (1977), em décima segunda edição, questiona a filosofia no Brasil.

Roberto Gomes – Pensamento

Não fez grande comentários sobre a filosofia.

Vídeo sobre Roberto Gomes:

João Cruz Costa – Filósofo

Nascido em 1904 em São Paulo, Brasil; filho de pai português e mãe descendente de italianos, João da Cruz Costa queria inicialmente se tornar médico. Provavelmente seu interesse pela medicina viera do fato de seu pai, José da Cruz Costa, ter falecido moço em 1922, aos 49 anos, acometido por crises derivadas da sífilis, que se manifestara já a partir de 1920. José era republicano e fugira de Portugal por haver surrado um adversário monarquista, pensando tê-lo matado. Fora um comerciante bem sucedido, natural da vila de Palheira, perto da cidade de Coimbra, e fundou em São Paulo a loja de móveis “O Grande Oriente”.

Foi um filósofo brasileiro, aluno “número um” da Faculdade de Filosofia da Universidade de São Paulo, tornando-se, posteriormente, professor catedrático da mesma instituição.

João Cruz Costa Pensamento

Sua produção intelectual versou sobre diversas áreas, especialmente sobre o desenvolvimento da filosofia no Brasil, “procurando estabelecer relações entre o pensamento e a realidade social, política e econômica do País através de sua história. Ensaísta, crítico, sociólogo, biógrafo, além de filósofo, indicando com isso a diversidade dos seus conhecimentos.

Vídeo sobre João Cruz Costa:

Manuel da Nóbrega – Filósofo

Filho do desembargador Baltasar da Nóbrega e sobrinho de um chanceler-mor do Reino, Manuel da Nóbrega estudou durante quatro anos na Universidade de Salamanca e se transferiu para a Universidade de Coimbra, bacharelando-se em direito canônico e filosofia em 1541. Recebeu o grau de bacharel em cânones das mãos do doutor Martim de Azpilcueta Navarro, tio do padre João de Azpilcueta Navarro, e seu mestre do 5º ano, que, dele, diria: “O doutíssimo padre Manuel da Nóbrega, a quem não há muito conferimos os graus universitários, ilustre pela sua ciência virtude e linhagem”.

Foi um sacerdote jesuíta português, chefe da primeira missão jesuítica à América. As cartas enviadas a seus superiores são documentos históricos sobre o Brasil colônia e a ação jesuítica no século XVI.

Manuel da Nóbrega – Pensamento

Assim que aportou, deu início ao trabalho de catequese dos indígenas, desenvolvendo uma intensa campanha contra a antropofagia existente entre os nativos e, ao mesmo tempo, combatendo a sua exploração pelo homem branco. Participou da fundação das cidades de Salvador e do Rio de Janeiro e também da luta contra os franceses como conselheiro de Mem de Sá. Seu maior mérito, além de constantes viagens por toda a costa, de São Vicente a Pernambuco, foi estimular a conquista do interior, ultrapassando e penetrando além da Serra do Mar.

Vídeo sobre Manuel da Nóbrega:

Fagundes Varella – Filósofo

Filho do magistrado Emiliano Fagundes Varella e de Emília de Andrade, ambos de tradicionais famílias fluminenses. Era bisneto do barão de Rio Claro. Poeta romântico e boêmio inveterado, Fagundes Varella foi um dos maiores expoentes da poesia brasileira, em seu tempo. Tendo ingressado no curso de Direito (e frequentado a Faculdade de Direito de São Paulo e a Faculdade de Direito do Recife), abandonou o curso no quarto ano. Foi a transição entre a segunda e a terceira geração romântica.

Foi um poeta romantista brasileiro da 2ª Geração, patrono na Academia Brasileira de Letras.

Fagundes Varella – Pensamento

Uma das mais belas e sentidas nênias da poesia em língua portuguesa. Nela, pela força do sentimento sincero, o Poeta atingiu aos vinte anos uma altura que, não igualada depois, permaneceu como um cimo isolado em toda a sua poesia

Vídeo sobre Fagundes Varella:

Mário Ferreira dos Santos – Filósofo

Mário Ferreira Dos Santos nasceu em 3 de janeiro de 1907, na cidade de Tietê, em São Paulo. Seu pai, Francisco Dias Ferreira dos Santos, era dono de uma companhia teatral itinerante. Estabelecido em Pelotas, no Rio Grande do Sul, dedicou-se ao estudo do então nascente cinema e tornou-se um dos pioneiros dessa arte no Brasil. Seu curta-metragem de ficção Os Óculos do Vovô é o filme brasileiro mais antigo de que se tem notícia e traz o próprio Mário como ator infantil.

Resultado de imagem para Mário Ferreira dos Santos

Foi um advogado e filósofo brasileiro, criador de um sistema filosófico a que chamou Filosofia Concreta.

Mário Ferreira dos Santos – Pensamento

Segundo Mário Ferreira dos Santos, sua Filosofia Concreta seria completamente baseada na lógica, não havendo possibilidade de discordância de seus pressupostos, a que chamou “Teses”, denominando-se tal característica como apoditicidade lógica. A primeira tese é a fundamentação de toda a sua filosofia: “Alguma coisa há, e o nada absoluto não há”, da qual extrai outras teses, passando pelos principais tópicos da filosofia através dos métodos da Filosofia da matemática.

Vídeo sobre Mário Ferreira dos Santos:

FIM

Pessoal chegamos ao fim de mais uma lista de Filósofo com suas teorias e ensinamentos, e hoje trouxemos 6 Filósofos Brasileiros – Filosofia Brasileira. Se você gostou compartilhe nas redes sociais.

O post 6 Filósofos Brasileiros – Filosofia Brasileira apareceu primeiro em Demonstre.



This post first appeared on Demonstre Educação, please read the originial post: here

Share the post

6 Filósofos Brasileiros – Filosofia Brasileira

×

Subscribe to Demonstre Educação

Get updates delivered right to your inbox!

Thank you for your subscription

×