Get Even More Visitors To Your Blog, Upgrade To A Business Listing >>

Políticos dos EUA criticam performance de Beyoncé no Superbowl

Beyoncé é alvo de boicotes por grupo conservador

A apresentação de Beyoncé no Superbowl, no dia 7 de fevereiro, foi alvo de crítica, boicotes, e gerou até protestos nos Estados Unidos.

Com o seu single Formation, a cantora aborda fortemente em sua letra a questão racial nos EUA, fazendo várias referências a cultura negra nos estados sulistas dos Estados Unidos (região considerada a mais racista do país), e racismos que sofreu também em sua vida pessoal (em 2014 foi organizada uma petição com quase 4 mil assinaturas para que Beyoncé penteasse o cabelo da filha).

No Superbowl, acompanhada de dançarinas vestidas com boinas e couro preto, como a organização Panteras Negras, Beyoncé fez sua performance, o que irritou políticos do partido conservador republicano.

Em entrevista ao programa Fox and Friend, na Fox News, o ex-prefeito de Nova York, Rudy Giuliani, disse que a apresentação foi “ultrajante”, por “atacar policiais e pessoas de bem que protegem a ela [Beyoncé] e a nós (a palavra Formation faz um trocadilho a ‘formação’ [como em batalha] e ‘informação'[C’mon girls lets get in-formation]”. Giuliani também se pronunciou a favor dos policiais: “O que deveríamos estar fazendo na comunidade negra e em todas as comunidades é construir respeito pelos policiais. E nos focar no fato de que, quando alguma coisa dá errado, tudo bem. Trabalharemos nisso. Mas a vasta maioria dos policiais arriscam suas vidas para nos manter a salvo”, comentou.

O congressista republicano Peter T. King também se pronunciou a respeito. Segundo ele, “Beyoncé pode ser uma entertainer talentosa, mas ninguém deveria se importar com o que ela pensa sobre qualquer assunto sério confrontando nossa nação”, declarou em postagem no seu facebook. Donald Trump, pré-candidato republicano à presidência dos EUA avaliou a apresentação da cantora como “ridícula” e “inapropriada”. Também criticada por um político canadense, por usar roupas que se remetem as Panteras Negras, Beyoncé pode ter sua apresentação cancelada no país.

Dançarinas vestidas como "Panteras Negras", no Superbowl.
Dançarinas vestidas como “Panteras Negras”, no Superbowl.

Na internet, conservadores também ameaçam a cantora com a hashtag #boycottbeyonce, que tem se levantado desde o lançamento do single Formation. Protestos também foram organizados por um grupo anônimo, contra a cantora e a NFL, que permitiu a apresentação. Perguntas como “Você se ofendeu com a apresentação de Beyoncé no Super Bowl?” “Você acredita que os Panteras Negras foram um grupo de ódio que não deveria ser glorificado?” estão sendo usadas para convidar pessoas para o protesto, que será realizado no mesmo dia do início da venda dos ingressos da turnê Formation.

O vídeo abaixo é a versão oficial do single Formation. Confira:



This post first appeared on Q Stage - Música, Cinema, Quadrinhos, Games, Livr, please read the originial post: here

Share the post

Políticos dos EUA criticam performance de Beyoncé no Superbowl

×

Subscribe to Q Stage - Música, Cinema, Quadrinhos, Games, Livr

Get updates delivered right to your inbox!

Thank you for your subscription

×