Get Even More Visitors To Your Blog, Upgrade To A Business Listing >>

Casa Azul: O imperdível Museu Frida Kahlo

A ligação de Frida Kahlo com o México é tão grande que a tornou uma das principais artistas do país. A pintora desperta interesse tanto pelo seu trabalho quanto pela sua história de vida, o que explica o sucesso da Casa Azul, local onde ela morava e hoje abriga o Museu Frida Kahlo.

Indo para a Cidade do México? Faça a sua reserva de hospedagem no banner acima, garanta a melhor opção e, sem pagar nada mais por isso, ajude a manter o Maior Viagem sempre trazendo dicas de viagens.

Os trabalhos inspirados na natureza e artefatos mexicanos explicam a ligação forte de sua imagem com o país. Os famosos auto-retratos tornaram a sua figura popular no mundo inteiro. E sua história de vida despertou interesse de muita gente. Isso tudo explica o sucesso do Museu Frida Kahlo, um dos museus na Cidade do México mais visitados.

No museu é possível ver algumas obras de Frida Kahlo

Se seu trabalho permaneceu desconhecido até os anos 70, quando foi “descoberto” por ativistas políticos, sua figura se tornou um ícone mundial nos anos 90, quando foi considerada um ícone do movimento feminista e da comunidade LGBTI+.

Foi na Casa Azul, que hoje abriga o Museu Frida Kahlo, que ela nasceu. Uma poliomelite contraída na infância, que a deixou manca, e um acidente grave de ônibus que quase a matou fizeram com que ela tivesse que usar coletes e outros artefatos ortopédicos pelo resto da vida. Estes objetos estão expostos no museu, em uma ala onde também é possível ver os famosos vestidos de Frida Kahlo.

Exposição no Museu Frida Kahlo mostra objetos pesoais e os famosos vestidos da artista

A Casa Azul é construída no entorno de um pátio central e de jardins, um estilo comum na época e tradicional desde os tempos coloniais. Apesar de hoje abrigar um museu, mantém as características de casa, com cômodos que mostra o estilo de vida da pintora e Diego Rivera, com quem teve um conturbado relacionamento. Isso torna a visita ao Museu Frida Kahlo ainda mais interessante, porque podemos conhecer mais sobre a vida dos dois artistas e do estilo da vida dos boêmios e intelectuais na primeira metade do século 20. Também é possível ver a forte ligação dos dois com questão políticas, em particular com o comunismo.

Na Casa Azul de Frida Kahlo é possível ver como a artista viveu

Leia também: Três lugares para ver murais de Diego Rivera na Cidade do México

No primeiro andar ainda é possível apreciar obras da artista e conhecer um pouco mais do seu estilo, que a deixou tão famosa. Já nos outros andares, objetos pessoais do casal nos aproximam ainda mais da história de vida de Frida Kahlo. Chamam a atenção o travesseiro com bordado com os dizeres “não se esqueça de mim, meu amor” e a sua cadeira de rodas colocada de frente para um cavalete, que, supostamente, foi dado a ela por Nelson Rockefeller.

Um deleite para os apreciadores da figura dessa importante pintora mexicana e uma visita interessante até mesmo para quem não tem familiaridade com Frida, mas certamente já ouviu, viu ou leu algo a respeito dela. A visita ao local costuma ter fila, devido o grande interesse, e para fotografar no interior é cobrada uma taxa.

 nossa viagem para a Cidade do México foi feita em parceria com o Sheraton Maria Isabel Mexico City.

O post Casa Azul: O imperdível Museu Frida Kahlo apareceu primeiro em Maior Viagem.



This post first appeared on Maior Viagem, please read the originial post: here

Share the post

Casa Azul: O imperdível Museu Frida Kahlo

×

Subscribe to Maior Viagem

Get updates delivered right to your inbox!

Thank you for your subscription

×