Get Even More Visitors To Your Blog, Upgrade To A Business Listing >>

China anuncia fim do comércio de marfim em 2017

Em um anúncio que pode revelar-se uma notícia extremamente boa para os Elefantes africanos, o governo chinês prometeu acabar com seu mercado interno de Marfim até o final deste ano.
Todos os anos, milhares de elefantes são mortos por suas presas por caçadores furtivos. Entre 2011 e 2014, mais de 100.000 elefantes foram abatidos. Desta forma, mais elefantes estão sendo mortos do que estão nascendo, fazendo com que a população de elefante Africano caísse 30 por cento entre 2007 e 2014.
Uma proibição internacional do comércio de marfim de 1989 tem feito pouco para parar a caça furtiva. Por que continua a matança? Porque não se aplicou nenhuma regra ao marfim tirado de elefantes antes da proibição ter sido implementada. Os caçadores podem mentir facilmente dizendo que o marfim não é novo. Enquanto  outros países, incluindo os Estados Unidos  e  Hong Kong, já tomaram medidas mais fortes para acabar com o comércio de marfim, a China tem sido um reduto do comércio até agora. O anúncio da China é especialmente importante porque é o maior mercado de marfim do mundo. Pelo menos 50 a 70 por cento do marfim contrabandeado acabam lá, de acordo com relatório do New York Times.
"Quase todo o marfim é para esculturas," afirmou John Robinson, da  Wildlife Conservation Society . "A China tem tradição histórica do uso de marfim. As presas inteiras são esculpidas em peças elaboradamente montadas de um tipo ou outro. "
No seu anuncio de dezembro, o Gabinete do Conselho de Estado da China afirmou que o fim programado para combater o comércio ilegal de marfim ocorrerá em etapas. Começará por eliminar as fábricas e vendedores legais de marfim antes de 31 de março. O comércio legal de marfim comercial terminará completamente até 31 de dezembro de 2017. Embora a China tenha proibido oficialmente a importação de marfim em março passado, uma vez que o país ainda tem um mercado interno legal para ele, o marfim continua a ser contrabandeado para lá, principalmente por sindicatos criminais.

Fonte: http://www.care2.com/


This post first appeared on Dom Escobar, please read the originial post: here

Share the post

China anuncia fim do comércio de marfim em 2017

×

Subscribe to Dom Escobar

Get updates delivered right to your inbox!

Thank you for your subscription

×