Get Even More Visitors To Your Blog, Upgrade To A Business Listing >>

Poema da Semana: Ajuda-me poema do amor, por Pablo Neruda


"Ajuda-me poema do amor a restabelecer a integridade, a cantar sobre a dor. 
É verdade que o mundo não se limpa de guerras, não se lava do sangue, não se corrige do ódio. É verdade. Mas é igualmente verdade que nos abeiramos de uma evidência: os violentos reflectem-se no espelho do mundo e o seu rosto não é belo, nem para eles mesmos. Continuo a crer na possibilidade do amor. Tenho a certeza do entendimento entre os seres humanos, conseguido sobre as dores, sobre o sangue e sobre os vidros partidos." ~ Pablo Neruda in "Confesso que Vivi"


This post first appeared on Bioterra, please read the originial post: here

Share the post

Poema da Semana: Ajuda-me poema do amor, por Pablo Neruda

×

Subscribe to Bioterra

Get updates delivered right to your inbox!

Thank you for your subscription

×