Get Even More Visitors To Your Blog, Upgrade To A Business Listing >>

No “jogo de dois dias”, Nacional e Rio Claro empatam em 0 a 0

Fotos: Ale Vianna / Nacional AC

O Nacional ainda não balançou as redes nesta Série A2

No confronto que durou “dois dias” devido uma tempestade que prejudicou a Zona Oeste de São Paulo (SP) na tarde de quarta-feira, dia 30, interrompendo a partida, Nacional Atlético Clube-SP e Rio Claro-SP empataram em 0 a 0, no Estádio Nicolau Alayon, na Barra Funda, no jogo que fechou a 4ª rodada do Campeonato Paulista A2 2019. Os 45 minutos finais foram disputados a partir das 15 horas de quinta-feira, dia 31.

A partida foi interrompida durante o intervalo da partida  que começou ontem. Uma chuva torrencial inundou o gramado do Estádio Nicolau Alayon e o segundo tempo foi remarcado para esta quinta-feira. Porém, enquanto a bola rolou no dia anterior, a rede não foi balançada pelas duas equipes.

O Nacional voltou para a segunda metade do jogo com duas substituições. Com as mudanças, o Naça passou a apertar mais a equipe do Rio Claro em seu campo de defesa, aproveitando os 10 minutos iniciais para chegar com perigo ao gol defendido por Murilo. Patrik, na função de meia armador, distribuía bem a bola, com Michael Thuíque cumprindo sua função de centroavante. Em bela jogadada individual, Caio Mendes deixou dois marcadores para trás, subiu sozinho pela esquerda e cruzou bonito, com o camisa 18 por pouco não abrindo o placar de cabeça.

A resposta do Rio Claro veio de bola parada. Em cobrança de falta, chutaço de longe. Maurício Telles, repetindo a atuação do primeiro tempo, disputado na quarta-feira (30), fez linda defesa. Grande momento da muralha nacionalina. O Rio Claro equilibrou as ações do jogo a partir dos 12 minutos, e chegou com perigo aos 14 e aos 16. Quando os visitantes passavam pela linha de defesa, paravam nas mãos de Maurício Telles.

Aos 22 minutos a primeira substituição do Rio Claro-SP. Após chegar na área do Naça e chutar de longe, o zagueiro Fernando desabou, obrigando o técnico Wagner Salino a mexer no time. Em seu lugar entrou o também zagueiro Diego, com a 13. Grande momento do Rio Claro aos 29 minutos. O lateral-esquerdo Douglas fez linda inversão de campo, encontrando o atacante Edson do lado direito, entrando na área. Ele avançou sozinho e chutou, mas para fora.

Jogo voltou nesta quinta-feira, depois da chuva no dia anterior

Os visitantes seguiram pressionando o Nacional, que permaneceu mais tempo em seu campo de defesa. Em escanteio do Rio Claro aos 40 minutos, Maurício Telles agarrou firme e lançou Emerson Mi pela esquerda. O camisa 15 passou a linha do gramado e tentou lançar o lateral-direito Fabiano, que acompanhou o lance pelo outro lado do campo. O goleiro Murilo chegou junto com o atleta nacionalino, matando a chance de gol.

Aos 46 minutos, quando o árbitro apontava 3 minutos de acréscimo, o Rio Claro fez a última substituição. Saiu o camisa 10 Elton para a entrada do camisa 16, Alaor. Pressão do Nacional nos últimos minutos da partida, principalmente com Emerson Mi. O Naça não desistia de marcar seu primeiro gol na competição, mas aparava sempre na última jogada. Patrik, aos 48, recebeu na entrada da área e chutou travado na derradeira tentativa antes do apito final. 0 a 0 no Nicolau Alayon no confronto que começou na quarta-feira (30) e terminou na quinta-feira (31).

O Nacional volta a campo no sábado (2), às 19 horas, para enfrentar o Linense-SP no Estádio Municipal Gilberto Siqueira Lopes, em Lins (SP), na partida válida pela 5ª rodada. O adversário ocupa a 5ª colocação no Paulistão A2 2019 com 7 pontos. Já o Rio Claro vai até Votuporanga, onde enfrenta o Votuporanguense também no sábado, só que às 16 horas.


This post first appeared on O Curioso Do Futebol, please read the originial post: here

Share the post

No “jogo de dois dias”, Nacional e Rio Claro empatam em 0 a 0

×

Subscribe to O Curioso Do Futebol

Get updates delivered right to your inbox!

Thank you for your subscription

×