Get Even More Visitors To Your Blog, Upgrade To A Business Listing >>

ÁGUIA VOA ALTO EM VILA DO CONDE Rio Ave-SL Benfica, 0-1

O mexicano, Raúl Jiménez, voltou a ser talismã no Estádio dos Arcos. No jogo da 32.ª jornada da Liga NOS, o Sport Lisboa e Benfica derrotou o Rio Ave, por 0-1.
Duas equipas dispostas a proporcionar um bom jogo de futebol a quem estava nas bancadas permitiu um encontro vivo desde os primeiros minutos no Estádio dos Arcos. Alguma vertigem num ou noutro lance, com ambos os onzes a fazerem de uma posse de bola um ataque e, quiçá, uma oportunidade de golo.
Mais perto o Benfica por intermédio de Jonas. O goleador brasileiro teve nos pés, aos cinco e aos 14 minutos, a possibilidade de inaugurar o marcador, mas não foi feliz. No primeiro lance, Cássio opôs-se bem; no segundo, o disparo saiu ao lado após boa triangulação na ala esquerda.
Sem obrigar Ederson a qualquer intervenção nos primeiros 45 minutos, o Rio Ave não deixou de ter no horizonte, sempre que podia, a área Benfiquista. O Tricampeão acabou por estar sempre por cima, controlando as incidências com bola, e, aos 32’, após uma jogada de insistência, Nélson Semedo rematou cruzado, com Cássio a dar uma sapatada no esférico.
Ao intervalo mantinha-se o nulo no Estádio dos Arcos. No regresso, melhor o Benfica, pior o árbitro, João Pinheiro. Minuto 47, grande penalidade para as águias por falta de Rafa Soares sobre Nélson Semedo. Volvidos cinco minutos, João Pinheiro interrompeu o jogo, cancelando a lei da vantagem, quando Rafa estava isolado frente a Cássio.
De permeio, aos 49’, Raúl Jiménez trabalhou bem na área e rematou para vistosa defesa de Cássio.
O Benfica mandava no jogo, obrigava o Rio Ave a recuar linhas e a sentir a pressão do processo ofensivo dos comandados por Rui Vitória. A exceção foi aos 58 minutos, altura em que os vila-condenses, num contra-ataque de Heldon, assustaram Ederson.
Mexer para o triunfo
Os treinadores começavam a mexer nas equipas, e também aí Rui Vitória levava a melhor. Minuto 75, contra-ataque do Benfica, com Jonas a lançar Salvio – entrou no decorrer do encontro –, o argentino esperou a chegada do Raúl Jiménez, endossou-lhe a bola e o mexicano, perante Cássio, não perdoou e fez o 0-1.
Na frente do marcador, mas ainda não vencedor, o Benfica teve um susto daqueles aos 87 minutos. Gonçalo Paciência, à meia-volta, atirou ao poste. Alívio nas hostes encarnadas.
Com este triunfo, as águias reforçam a liderança, com 78 pontos, e no sábado recebem o V. Guimarães, no Estádio da Luz.
O Sport Lisboa e Benfica alinhou com Ederson; Nélson Semedo, Luisão, Lindelöf, Grimaldo; Fejsa, Pizzi (Filipe Augusto, 90’+2), Rafa (Salvio, 69’), F. Cervi; Jonas (Samaris, 83’) e Raúl Jiménez.


This post first appeared on Benfica Glorioso, please read the originial post: here

Share the post

ÁGUIA VOA ALTO EM VILA DO CONDE Rio Ave-SL Benfica, 0-1

×

Subscribe to Benfica Glorioso

Get updates delivered right to your inbox!

Thank you for your subscription

×