Get Even More Visitors To Your Blog, Upgrade To A Business Listing >>

QUANDO A IGREJA PERDE O SALVADOR





Laodicéia é a Igreja mais apostata do Novo Testamento, ela tem todos os componentes litúrgicos de uma igreja, com formalidades e requintes de prosperidade,  era uma assembléia de celebridades e tinha um bom equilíbrio financeiro, mas ao medir o fervor espiritual, Cristo detectou mornidão, ainda havia mais: falta de visão espiritual. Era uma igreja cristã sem Cristo, o dono da igreja eram os homens, Cristo estava fora desse negocio (Apocalipse 3:20) Havia uma falta de pudor espiritual dentro dela. Para quem acha que o amor de Cristo tolera igrejas com seus desvios espirituais e morais ,se desencanta com as palavras acusadoras de Cristo: “E não sabes que és um desgraçado, e pobre, e pobre, e cego, e nu”(Apocalipse 3:17) Fiquem sabendo os promotores da unidade que sacrifica a verdade que Cristo não compartilha com o sincretismo, com a apostasia, com os desvios morais, com a falta de pudor, com a prostituição espiritual, com a simonia, com o liberalismo, com teologias profanas, com heresias de perdição, com antinomianismo, com o mundanismo, a carnalidade misturada com a espiritualidade, Cristo não compartilha com o erotismo espiritual, com o misticismo pagão, com o esoterismo ocultista, com as aberrações doutrinarias, com a irreverência, com o ecumenismo, Cristo não compactua com falsos profetas, falsas doutrinas, com a hipocrisia. Tais coisas provocam asco em Cristo. “Vomitar-te-ei da minha boca”(Apocalipse 3:16)  Cristo é santo e ama  a santidade, é verdadeiro e ama a verdade. É puro e ama a pureza, é reto e ama a retidão. Havia todos os atrativos de uma religião sofisticada em Laodicéia, tinha todos os acessórios para montar o espetáculo, com dinheiro se faz coisas impressionantes, templos com boa arquitetura, profissionaliza-se a religião promove-se o conforto.  A plataforma para a atração é muito boa, porque a melhor maneira de atrair pessoas para o espetáculo religioso é avivar a ganância no coração dos homens.  Cristo está do lado de fora, há uma divindade falsa no pedestal de laodiceia: o deus utilitarista disposto a barganhar com os homens. Que cenário familiar com a igreja moderna! Laodicéia abriu a igreja para o materialismo, para o mundanismo, para o orgulho, para a vaidade, para a sensualidade e fechou as portas para Cristo. Ele está do lado de fora batendo. Quem percebe que Ele está do lado de fora? Quem percebe que os cânticos de honra a Deus estão presentes na liturgia mas a presença de Cristo está ausente? Os olhos daquela gente estava fixo no show, nas cores, na pompa, no espetáculo, e não em Cristo. O Salvador não estava em ultimo lugar, pelo contrário, não havia lugar para Ele. Que cenário de morte espiritual terrível! Tudo isso em meio a uma forma de movimento onde todas as aparências diziam que a igreja d Laodicéia era a mais abençoada de todas. Que o eco das palavras de Cristo possa penetrar no coração dos mornos “Sê pois zeloso e arrepende-te”(Apocalipse 3:19)

Clavio J. Jacinto



This post first appeared on Pr C. J. Jacinto, please read the originial post: here

Share the post

QUANDO A IGREJA PERDE O SALVADOR

×

Subscribe to Pr C. J. Jacinto

Get updates delivered right to your inbox!

Thank you for your subscription

×