Get Even More Visitors To Your Blog, Upgrade To A Business Listing >>

Há um ano entidades alertavam sobre o risco da Febre Amarela Urbana


"A ameaça da urbanização da Febre Amarela nos obriga a definir políticas de curto e médio prazo para prevenir futuros surtos.
É assustadora a possibilidade de ocorrer uma epidemia urbana de Febre amarela no Brasil, algo que não se registra há mais de 70 anos"


Ameaça real de Febre Amarela Urbana transmitida por mosquitos aedes



O alerta foi feito no Rio de Janeiro, em 26 de janeiro de 2017 em carta aberta da Associação Brasileira de Saúde Coletiva (Abrasco) direcionada às autoridades sanitárias do Ministério da Saúde e das Secretarias Estaduais e Municipais da área.



  • Existe o risco de transmissão urbana da febre amarela no Brasil ?


A Abrasco em janeiro de 2017 já orientava por meio desse alerta as medidas que precisavam ser tomadas naquela época para impedir o avanço da Febre Amarela no país :




"É urgente que o Ministério da Saúde atualize a lista de todos os municípios considerados de risco à luz do novo momento, tanto para planejar a ampliação e o fortalecimento destas medidas de vacinação para bloquear a ocorrência de casos e, consequentemente, impedir o avanço dos surtos, como para orientar a população que se desloca, por trabalho ou lazer, para estas localidades.
Cabe também ao Ministério da Saúde tornar pública a disponibilidade de vacinas e os planos de contingência para aumentar nossa capacidade de produção, distribuição e aplicação de vacinas."  
Saiba mais no link Alerta da ABRASCO


This post first appeared on Alagoas Real |24h Notícias De Maceió,al, please read the originial post: here

Share the post

Há um ano entidades alertavam sobre o risco da Febre Amarela Urbana

×

Subscribe to Alagoas Real |24h Notícias De Maceió,al

Get updates delivered right to your inbox!

Thank you for your subscription

×