Get Even More Visitors To Your Blog, Upgrade To A Business Listing >>

Conselho de Segurança da ONU pede solução política para crise em Guiné-Bissau

Crianças da região de Quinara, Guiné-Bissau. UNICEF / Roger LeMoyne

Crianças da região de Quinara, Guiné-Bissau. UNICEF / Roger LeMoyne

O Conselho de Segurança da Nações Unidas pediu, em meados de junho, que as autoridades da Guiné-Bissau obedeçam a Constituição e o Estado de Direito e se esforcem para encontrar uma solução política para a atual crise que o país enfrenta.

O pedido foi feito após o representante especial da ONU para a Guiné-Bissau, Modibo Touré, alertar sobre as consequências que a situação em curso pode causar ao desenvolvimento econômico do país a longo prazo.

“A situação atual exige estratégias inovadoras para oferecer serviços e apoiar a população do país. Embora o foco principal seja encontrar uma solução política e sustentável, é importante proporcionar apoio necessário ao povo guineense, cujas vidas e meios de subsistência foram negativamente impactados pela instabilidade recorrente na Guiné-Bissau”, disse Modibo Touré.

Destacando a importância da reconciliação nacional, do diálogo inclusivo e da boa governança, o Conselho de Segurança solicitou que o governo continue tomando medidas concretas em prol da paz e da estabilidade no país, por meio de uma reforma eficaz do setor de segurança e da luta contra a corrupção.

“Pedimos que todos os atores políticos guineenses defendam e prossigam com o diálogo permanente e construtivo, dentro dos parâmetros constitucionais estabelecidos e com respeito pela separação de poderes, a fim de fortalecer a governabilidade democrática e trabalhar para um consenso sobre as principais questões políticas, em particular no que diz respeito à aplicação urgente de reformas necessárias”, observou o comunicado emitido pelo Conselho de Segurança.

O Conselho ainda reafirmou o seu compromisso total em apoiar a consolidação da paz no país e observou que os compromissos assumidos durante a Conferência de Doadores de Bruxelas, em março de 2015, exigem que um ambiente político estável se materialize o quanto antes.

Além disso, o órgão da ONU elogiou a decisão de prorrogar por mais um ano o mandato da missão de segurança da Comunidade Econômica dos Estados da África Ocidental (CEDEAO) na Guiné-Bissau, bem como saudou o comunicado da União Europeia (UE) de fornecer apoio financeiro à missão.

Os recentes impasses políticos envolvem a decisão do presidente de nomear um novo primeiro-ministro e os consequentes protestos da oposição.


ONU Brasil



This post first appeared on Blog Amazônia, please read the originial post: here

Share the post

Conselho de Segurança da ONU pede solução política para crise em Guiné-Bissau

×

Subscribe to Blog Amazônia

Get updates delivered right to your inbox!

Thank you for your subscription

×