Get Even More Visitors To Your Blog, Upgrade To A Business Listing >>

Rio perde 5.689 postos de trabalho em junho, aponta Caged

Rio perde 5.689 postos de trabalho em junho, aponta Caged

Central de Apoio ao Trabalhador – Wania Corredo / Agência O Globo

BRASÍLIA – O Rio de Janeiro teve saldo negativo de geração de empregos em Junho. Dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgados nesta segunda-feira pelo Ministério do Trabalho mostram que o estado perdeu 5.689 postos no mês. Se for considerada toda a região metropolitana do estado, o saldo de vagas fechadas é ainda maior: sobe para 6.921. No semestre, o fechamento de vagas superou as admissões em 65.582.

Veja também

LEIA MAIS: País cria 9.821 empregos em junho e tem terceiro mês positivo, aponta Caged

ANÁLISE: José Paulo Kupfer: Números de junho reforçam sinais de recuperação lenta do emprego formal

O Rio é um dos nove estados que tiveram desempenho negativo no Caged em junho. O estado tem apresentado resultados negativos para esse mês desde 2015. O número do mês passado é consequência de 88.013 admissões e 93.702 desligamentos no mês. Em junho do ano passado o saldo de empregos do estado era ainda pior. Naquela época os desligamentos somaram 15.748.

O coordenador de estatísticas do Ministério do Trabalho, Mário Magalhães, explica que as maiores quedas foram nos ramos de alojamento e alimentação, sobretudo restaurantes. Por isso, como julho é um mês de férias, pode ser que esses setores se recuperem. Ele ressalta, contudo, que a recuperação no Rio tem sido mais lenta, o que pode estar relacionado com a crise vivida pelo estado.

— O atraso no pagamento de funcionários, por exemplo, certamente impacta o resultado do comércio — disse.

Os números mostram que há atualmente no Rio um estoque de 3,403 milhões de vagas preenchidas. No ano passado, eram 3,409 milhões. Mesmo perdendo vagas, o estado é o terceiro com mais postos, atrás apenas de São Paulo (11,9 milhões) e Minas Gerais (3,9 milhões).

No ano, o cenário do mercado de trabalho do Rio é ainda pior. Desde junho de 2016, 201.485 postos de trabalho foram fechados, já descontadas as admissões.

Em junho, a queda foi puxada sobretudo por conta de um recuo nos postos do setor de serviços. Esse segmento perdeu 3.693 vagas. A indústria da transformação e o comércio perderam 1.330 e 757 postos, respectivamente.

O setor de construção civil teve um pequeno recuo, de 119 vagas, e a agricultura teve saldo positivo de 433 postos de emprego no estado. A administração pública ficou estável.

Newsletter

As principais notícias do dia no seu e-mail.

TROCAR IMAGEM

Quase pronto…

Acesse sua caixa de e-mail e confirme sua inscrição para começar a receber nossa newsletter.

Ocorreu um erro.
Tente novamente mais tarde.
Email inválido. {{mensagemErro}}

OGlobo



This post first appeared on Blog Amazônia, please read the originial post: here

Share the post

Rio perde 5.689 postos de trabalho em junho, aponta Caged

×

Subscribe to Blog Amazônia

Get updates delivered right to your inbox!

Thank you for your subscription

×