Get Even More Visitors To Your Blog, Upgrade To A Business Listing >>

8 Cantigas de Maldizer

Olá pessoal hoje o demonstre traz 8 “Cantigas de Maldizer” para serem trabalhadas em sala de aula, de Maneira interativa.

Cantigas de Maldizer

Maldizer é difamar; falar mal de alguém; atacar a boa reputação de: ele maldizia os amigos pelas costas; preferia maldizer à elogiar. amaldiçoar; desejar que o mau aconteça a: maldizia os governantes; não conseguia maldizer.

Dona Fea – Apresentação Cantigas de Maldizer

É uma cantiga de maldizer de Joan Garcia De Guilhade -Trovador do Sec. XIII, que relaxa uma determinada pessoa.

Dona Fea – Letra da Cantiga de Maldizer

Ai Dona Fea, fostes-vos queixar
que vos nunca louv’en[o] meu cantar;
mais ora quero fazer um cantar
em que vos loarei todavia;
e vedes como vos quero loar:
dona fea, velha e sandia!
Dona fea, se Deus mi perdom,
pois havedes [a]tam gram coraçom
que vos eu loe, em esta razom
vos quero já loar todavia;
e vedes qual será a loaçom:
dona fea, velha e sandia!
Dona fea, nunca vos eu loei
em meu trobar, pero muito trobei;
mais ora já um bom cantar farei
em que vos loarei todavia;
e direi-vos como vos loarei:
dona fea, velha e sandia!

Vídeo Dona Fea:

Nostro Senhor – Apresentação Cantigas de Maldizer

É uma cantiga de maldizer que fala de uma pessoa que que se arrependeu depois de difamar alguém.

Nostro Senhor – Letra da Cantiga de Maldizer

Maria Pérez se maenfestou
noutro dia, ca por [mui] pecador
se sentiu, e log’a Nostro Senhor
pormeteu, polo mal em que andou,
que tevess’um clérig’a seu poder,
polos pecados que lhi faz fazer
o Demo, com que x’ela sempr’andou.
Maenfestou-se ca diz que s’achou
pecador muit’, e por en rogador
foi log’a Deus, ca teve por melhor
de guardar a El ca o que a guardou;
e mentre viva, diz que quer teer
um clérigo com que se defender
possa do Demo, que sempre guardou.
E pois que bem seus pecados catou,
de sa mort’houv’ela gram pavor
e d’esmolnar houv’ela gram sabor;
e log’entom um clérigo filhou
e deu-lh’a cama em que sol jazer,
e diz que o terrá, mentre viver;
e est’afã todo por Deus filhou.
E pois que s’este preito começou
antr’eles ambos houve grand’amor
antr’ela sempr'[e] o Demo maior,
atá que se Balteira confessou;
mais, pois que vio o clérigo caer
antr’eles ambos, houv’i a perder
o Demo, des que s’ela confessou.

Vídeo Nostro Senhor:

Pero Rodrigues, da vossa mulher – Apresentação Cantigas de Maldizer

Uma cantiga de maldizer que representa uma pessoa que vive em desanimo com outras pessoas, fazendo inimigos.

Pero Rodrigues, da vossa mulher – Letra da Cantiga de Maldizer

Pero Rodrigues, da vossa mulher

Não acrediteis no mal que vos digam.

Tenho eu a certeza que muito vos quer.

Quem tal não disser quer fazer intriga.

Sabei que outro dia quando eu a fodia,

enquanto gozava, pelo que dizia,

muito me mostrava que era vossa amiga.

Se vos deu o céu mulher tão leal,

que vos não agaste qualquer picardia,

pois mente quem dela vos for dizer mal.

Sabei que Ihe ouvi jurar outro dia que vos estimava mais do que a ninguém;

e para mostrar quanto vos quer bem, fodendo comigo assim me dizia

Vídeo Pero Rodrigues, da vossa mulher:

Meu Nosso Senhor, ando eu molestado – Apresentação Cantigas de Maldizer

Uma cantiga onde o autor fala que vive em constante desanimo e falta de amor em sua vida.

Meu Nosso Senhor, ando eu molestado – Letra da Cantiga de Maldizer

Meu Nosso Senhor, ando eu molestado

com todos os vícios que me foste dar.

Sou dos putanheiros o mais porfiado;

não menos me apraz os dados jogar;

e é grande o prazer que sinto em errar por estas vielas,

do mundo apartado Se de melhor vida fora venturoso,

lograra mais preço e mais honras ter.

Mas deste foder mais me apraz o gozo;

e o destas tabernas, e o deste beber.

Já que outra virtude não posso valer,

vnlhz me viver contente e viçoso.

Se não valho nada e não alimento esperança de alguma virtude alcançar,

não quero perder este arreitamento,

tão pouco estas putas e este disputar.

Por outras fronteiras não quero eu andar,

trocando o meu viço por agastamento.

E muitos mais vícios acrescentaria,

que cúmplices são do meu desmerecer.

Nunca frequentei a tafularia, sem ali desordens,

distúrbios fazer; e, cobardemente,

ponho-me a mexer buscando agasalho entre a putaria.

Vídeo Meu Nosso Senhor, ando eu molestado:

Maria Mateu – Apresentação Cantigas de Maldizer

É uma cantiga de maldizer bastante antiga, que fala de uma pessoa que adora está só, não querendo a companhia nem das pessoas mais próximas.

Maria Mateu – Letra da Cantiga de Maldizer

Maria Mateu, daqui vou desertar.

De cona náo achar o mal me vem.

Aquela que a tem não ma quer dar

e alguém que ma daria não a tem.

Maria Mateu, Maria Mateu,

tão desejosa sois de cona como eu!

Quantas conas foi Deus desperdiçar

quando aqui abundou quem as não quer!

E a outros, fê-las muito desejar:

a mim e a ti, ainda que mulher.

Maria Mateu, Maria Mateu,

tão desejosa sois de cona como eu!

Vídeo Maria Mateu:

Não Me Arrependo – Apresentação Cantigas de Maldizer

Não me arrependo é uma cantiga de maldizer de Caetano Veloso, que fala que conhece a pessoa desde pequena e sabe seus defeitos e bondades.

Não Me Arrependo – Letra da Cantiga de Maldizer

Eu não me arrependo de você
Cê não me devia maldizer assim
Vi você crescer
Fiz você crescer
Vi cê me fazer crescer também
Prá além de mim…
Não, nada irá neste mundo
Apagar o desenho que temos aqui
Nem o maior dos seus erros
Meus erros, remorsos
O farão sumir..
Vejo essas novas pessoas
Que nós engendramos em nós
E de nós
Nada, nem que a gente morra
Desmente o que agora
Chega à minha voz
Nada, nem que a gente morra
Desmente o que agora
Chega à minha voz…

Vídeo Não me arrependo:

Os mesmos olhos azuis – Apresentação Cantigas de Maldizer

Uma cantiga de maldizer pouco conhecida mas que retrata bastante o titulo.

Os mesmos olhos azuis  – Letra da Cantiga de Maldizer

Abra-te os olhos que não querem enchergar,
condutas de maldizer que nos perseguem sem saber.
Abra-te os olhos que não querem enchergar,
as palavras vencidas que nos afundam em mentiras.
Pobre menina!
Abra-te logo os olhos que se fecham para a vida.
Abra-te logo os olhos que não enchergam a maldade se aproximar.
Pobre menina!
Abra-te os olhos; que cegos te enganam.
Abra-te os olhos; que há pessoas chegando!
Vamos menina, abra-te os olhos!
Estão chegando, cuidado!
Te farão mal, menina!
Anda, abra-te os olhos!
Não, não os abriu.
Adeus, menina!

Vídeo Os mesmos olhos azuis:

Amar é… – Apresentação Cantigas de Maldizer

Uma cantiga de maldizer pouco conhecida onde mostra o amor em relação a pessoas que não dão valor.

Amar é… – Letra da Cantiga de Maldizer

Amar é sofrer, chorar,
se maldizer, se lamentar;
ter medo de perder
e se desesperar.

Amar é sentir tristeza,
dor e melancolia;
é proporcionar e ter
muitas alegrias.

Amar é sentir e dá prazer;
é viver e morrer, entre
a realidade e a fantasia.

FIM

Bom pessoal chegamos ao fim de mais uma lista de cantigas, e hoje foi as cantigas de Maldizer, espero que tenham gostado. se gostou compartilhe nas redes sociais.

O post 8 Cantigas de Maldizer apareceu primeiro em Demonstre.



This post first appeared on Demonstre Educação, please read the originial post: here

Share the post

8 Cantigas de Maldizer

×

Subscribe to Demonstre Educação

Get updates delivered right to your inbox!

Thank you for your subscription

×