Get Even More Visitors To Your Blog, Upgrade To A Business Listing >>

O vento sobra onde quer.


Texto: João 3.8: “o Vento sopra aonde quer, ouves a sua voz, não sabes donde vem, nem para onde vai; assim é todo o que é nascido do Espírito”.
Introdução: esta passagem dá ênfase à prioridade e à soberania de Deus na obra da redenção, e isto não exclui a realidade da resposta humana através do arrependimento da fé.
E havia um ritual no meio da garotada. Geralmente o vento parava, mas a garotada não parava de soprar no desejo de soltar papagaio. E como é que a gente fazia prá soltar papagaio quando não havia vento? Nós nos reuníamos, aquele grupo de garotos, e começávamos a fazer alguma coisa mais ou menos como que chamando o vento, assobiando para chamar o vento. De repente o vento começava a soprar.  Não me peça explicações científicas para o fenômeno porque eu não tenho. Mas nós soprávamos numa coisa meio encantada, meio religiosa esperando que o vento viesse. Daqui a pouco o vento soprava e a garotada ficava felicíssima porque o vento tinha vindo e nós podíamos agora empinar os nossos papagaios.

I. Vento e Espírito: Alguns intérpretes (como Agostinho e Orígines) argumentam que nesse texto se faz referência ao Espírito Santo, porque o vocábulo grego utilizado significa vento e espírito. É notório que o evangelista ao reproduzir a fala de Jesus estava fazendo comparações sobre a atuação do Espírito Santo, ele faz por meio do elemento da água e agora pelo vento.
            O vento é o elemento apropriado para ilustrar o fato que, sem importar o que possamos dizer sobre o novo nascimento, operado pelo Espírito Santo, ainda existem elementos que fogem ao nosso entendimento e ao nosso controle.
            Ele obedece a leis próprias, apesar de podermos ver algumas ações, não nos compete determinar os fatores dessas ações, não nos compete determinar os fatores dessas ações. Trata-se de uma força misteriosa, a qual age de formas mais ou menos misteriosas.
            Assim o Espírito paira sobre o globo terrestre, afetando as vidas dos seres humanos de maneiras misteriores; também atrai e, finalmente, conquista muitos.

Ilustração: Jesus acalma o vento e o mar.

II. O Espírito Transforma: o Espírito conduz ao conhecimento de Cristo, regenerando-os, e, finalmente, instilando neles a própria natureza de Deus.
            A palavra grega se refere ao ato de se aproximar de Deus é o epesthai, que significa aquele que se aproxima (segue) e age com as qualidades Dele:

·       Plantando a terra como Deus plantou o Jardim do Éden;
·       Vestindo a nudez como Deus vestiu Adão;
·       Visitando o doente como Deus visitoi Abraão;
·       Confortando o triste como Deus confortou a Isaque;
·       Enterrando o morto como Deus enterrou a Moisés.

Quando o Espírito sopra, Jesus chama e os chamados passam a acompanhá-lo de coração e constantemente, compartilhando sua vida e destino ao custo de todas as outras alianças e compromissos, ligando-se a Ele, engajando-se em sua obra e mostrando que estão qualificados para serem seus discípulos.
O discipulado, segundo Karl Barth, é um dom é o “estar apto” (euthetos einai) para o Reino de Deus, uma capacidade da qual são dotados. Há alguns discípulos qualificados que não o fazem e, por outro lado, existem outros que o acompanham, mas não são discípulos qualificados nesse aspecto.

III. O efeito da Acão do Espírito: existem três pontos de comparação entre o vento e o Espírito Santo, na obra da regeneração: 1. Liberdade e independência; 2. Efeito irresistível; 3. Incompreensibilidade, tanto quanto ao seu começo quanto ao seu término.
            O Espírito pode agir como um vento suave na mente e coração de pessoas amadas e tranquilas como o apóstolo João. Mas também pode vir a partir de um evento forte e marcante na vida de pessoas sanguíneas e hiperativas, como foi na vida do apóstolo Paulo.
            "o vento sopra aonde quer." E não há nada que você possa fazer a respeito, não há proibições; governos não passam decretos que proíbam o vento de soprar. Não há autoridade alguma que diga: aqui o vento não sopra; pois o vento sopra aonde quer soprar.
            “Não são esses galileus os que estão falando as grandezas de Deus em nossa língua”?
            O Espírito é livre e é por isso que ele, frequentemente, sopra aonde a Igreja não dá permissão para ele soprar. A igreja proibiu, mas o Espírito agiu na ilegalidade.
            Veja o que eu estou falando: Deus é um Deus ilegal! Se Dependesse da legalidade da igreja, de nossas balizas e preconceitos, estaríamos perdidos.
           
Considerações Finais: Assim como a ação do vento é misteriosa, não se sabe de onde vem nem para onde vai. A ação regeneradora do Espírito Santo também o é. Nesse texto de João 3 vemos Nicodemos, um chefe da religião judaica indo até Jesus de noite falar sobre a vida eterna. Não vemos o que ocorreu logo após, mas lemos que após a morte de Jesus José de Arimatéia pega o corpo de Jesus para levar para uma tumba e estava acompanhado de Nicodemos que tinha especiarias para perfumar o corpo de Jesus.

A Igreja de Jerusalém não podia imaginar que Cesaréia Marítima construída em homenagem a César, cheia de ídolos enormes de mármore trazidos de Roma pudesse se transformar na Catedral do Pentecoste. Mas o Espírito estava tramando.
O Espírito trama, conspira subversivamente. A ação mais subversiva da história é a ação do Espírito Santo; acode os "status quo", deixa as nossas certezas esboroadas, perturbadas. Demole, frequentemente, nosso sentido de segurança. Andar no Espírito é andar em profunda insegurança, mantendo os ouvidos abertos, os olhos atentos e o espírito livre.
            E aí Ele se manifesta a um homem chamado Cornélio. Eu não sei se teria coragem de dizer para um pagão como Cornélio: “suas orações a Deus foram ouvidas”. Eu tenho impressão de que os teólogos cristãos iam cair matando em cima de mim se eu dissesse um negócio deste: “Deus ouve orações de pagãos”.

"- Cornélio, suas orações foram ouvidas.".

"As tuas esmolas subiram. Agora pois manda buscar um homem chamado Pedro que está a 40 km daqui na casa de Simão. Ele vai te trazer palavras de vida."


This post first appeared on Job. Nascimento, please read the originial post: here

Share the post

O vento sobra onde quer.

×

Subscribe to Job. Nascimento

Get updates delivered right to your inbox!

Thank you for your subscription

×