Get Even More Visitors To Your Blog, Upgrade To A Business Listing >>

JBC anuncia Boku no Hero Academia - Felicidade ou medo?

E aí galera! No Henshin Online #76 foi anunciado um novo título pela JBC: Boku no Hero Academia! Muitos ficaram contentes pela notícia e muitos ficaram com um pé atrás. A editora JBC está sempre envolvida em polêmicas com relação as suas traduções, erros de português e o material de seu offset. Embora ainda tenha bons títulos sendo publicados em qualidades excelentes, como Blade a lâmina do imortal e Parasyte Kiseiju.


Sinopse da série

Capa do volume 1
A história se passa nos dias atuais, exceto que as pessoas com poderes especiais tornaram-se comuns em todo o mundo. Os mais aptos (e os que querem) podem fazer um teste para ingressar na academia número 1 para herois, a Yuuei. Um menino chamado Izuku Midoriya não tem poderes, mas ele ainda sonha um dia, chegar ao patamar do heroi mais poderoso do mundo o All Might.



Sobre a série

A obra é uma grande aposta da Shonen Jump e pode vir a se tornar um novo pilar da revista, tal qual Naruto foi e One Piece ainda é. É a terceira tentativa do autor serializar na Jump, mas parece que sua insistência deu frutos e Boku no Hero Academia foi muito bem aceito, ganhando uma adaptação animada pelo estúdio Bones antes da série completar dois anos.



Sobre o autor

Horikoshi Kouhei é o autor de Boku no Hero Academia. Ele já tentou dois títulos na revista em 2010 e 2012. Primeiro com Oumagadoki Doubutsuen, cancelada em 29 capítulos e Sensei no Bulge, cancelada aos 16 capítulos apenas. Seu grande problema era alcançar níveis aceitáveis de popularidade. Ele simplesmente não conseguia entreter o povo japonês com os trabalhos dele. Ao que parece, ele realmente aprendeu o que lhe faltava e criou a série que já está completando dois anos em breve e que já é comercializada no exterior, vindo para o Brasil em breve!




Sobre a JBC

A Editora JBC ganhou o prêmio de melhor editora em 2014. Todos gostavam dos trabalhos dela até então, mas de meados de 2015 pra cá a editora veio decaindo em qualidade em alguns títulos. Isso se deve ao novo planejamento da editora: tentar trazer o máximo possível de títulos para o Brasil. Ao realizar muitas negociações, obviamente os custos tendem a aumentar e os valores de capas e qualidade do papel sofrem com isso. Apesar disso, não existe uma justificativa plausível para os erros de português e traduções com gírias regionais presentes em praticamente todos os volumes de qualquer título. É nítido o descaso com a revisão. Claro que praticamente todas as editoras sofrem com isso, mas em um grau muito menor!

Eu até gosto da JBC mesmo com os problemas de revisão. Coleciono Blade, Parasyte e Magi e pretendo pegar Boku no Hero Academia também. Blade e Parasyte eu não tenho do que reclamar, afinal a qualidade está ótima, já Magi houve uma queda na qualidade do papel e o preço aumentou...

Enfim, quem conhece a JBC sabe o duro que eles dão para trazer muitos títulos para o Brasil e também tem um sistema de assinaturas e uma distribuição de dar inveja à Panini. Quanto à tradução, eles estão melhorando aos poucos. 

Eu espero um formato simples e barato para Boku no Hero ou algo parecido com Parasyte (meio caro, mas aceitável). Não sei se as capas serão as mesmas e nem se o nome do mangá vai permanecer ou se vão mudar para "My Hero Academia", assim como Nanatsu no Taizai virou "The Seven Deadly Sins", mas dependendo da arte usada na capa até dá pra perdoar.

Confesso que tenho um pouco de receio, mas vou colecionar mesmo assim, pois gosto muito da obra e também estou feliz pela JBC ter trazido mais um título de peso para o Brasil. E você? Está feliz ou com medo?


This post first appeared on Blog Do Pandaman, please read the originial post: here

Share the post

JBC anuncia Boku no Hero Academia - Felicidade ou medo?

×

Subscribe to Blog Do Pandaman

Get updates delivered right to your inbox!

Thank you for your subscription

×