Get Even More Visitors To Your Blog, Upgrade To A Business Listing >>

Mais amor, por favor...

 Teríamos Mais Amor, se houvesse mais espaços no metrô em horários de pico, se não tivéssemos que pagar impostos até pelo ar que respiramos e a fumaça que tossimos. Seria muito mais fácil amar o próximo se não fossemos tantos, tão populosos a ponto de ter engarrafamentos, se falássemos a mesma “língua” e se pagássemos o valor que realmente vale nas coisas. Teríamos mais amor, se o “outro” não falasse da nossa vida, nos criticasse, julgasse e colocasse rótulos, e se não tivéssemos que dividir o ar e vender o chão, a água e a comida. Teríamos mais amor se não criássemos tantas formulas e formas de fazer e ser, se não nos importássemos tanto com o certo e o errado ou em sermos bons ou ruins. Se tivéssemos maturidade para aceitar nossa parcela de culpa e se não desejássemos tudo de imediato, até mesmo amor e então não precisaríamos de mais amor...




This post first appeared on QUARTO BRANCO, please read the originial post: here

Share the post

Mais amor, por favor...

×

Subscribe to Quarto Branco

Get updates delivered right to your inbox!

Thank you for your subscription

×