Get Even More Visitors To Your Blog, Upgrade To A Business Listing >>

O Hobbit- Uma Jornada Inesperada

                                              
''Como é bom estar de volta!''
Foi assim que eu e talvez muita gente se sentiu ao ver: O Hobbit- Uma jornada inesperada nos cinemas.
Rever o Condado com todos seus habitantes comuns novamente me deu novamente aquela vontade de viver na Terra Média.
Com a narração de Bilbo em meados das primeiras cenas do filme, tive certeza então que Peter Jackson não sofreria com a fama de O Senhor dos Anéis e transformaria o livro ''O Hobbit'' em um espetáculo de filme. Por ter medo de alguma cena ou fala acabasse de vez a trilogia anterior, passei o filme inteiro com os dedos cruzados e em partes vagas, rezando em minha mente. Tenho que admitir que a dublagem para o português ficou muito ruim. A voz de Frodo e de Gollum foram reconhecidas como esquisitas e nunca vistas antes. Mas ao final tudo deu certo e não há o que se preocupar com o resto da história.

Muitos estão a falar que o novo filme de Peter Jackson ficou com muita fantasia, parecendo então mais Nárnia. O que eu ignorei completamente por gostar muito de ''o Hobbit'' e de sua história. Qual foi a minha emoção e ansiosidade quando o cinema ficou tenso com as falas: ''Ele esta atrasado.'' ou então a campainha toca e: '' Ele chegou!''.  Por ser 13 anões não pudi gostar muito de um personagem, mas com toda certeza falo que os meus preferidos são Thorin escudo de Carvalho e Balin, uns dois mais sábios mestres anões.
E aquele fã que ainda se lembra da historinha que Bilbo conta a pequenas crianças em sua festa de aniversário (ver O Senhor dos Anéis) sobre três ''monstruosos'' Trolls e seus fins trsites, não teve por que não ficar alegre e feliz a tal cena. ''Com o raiar do dias..'' Pichuuuuu. ''...Todos se transformaram em pedra''.

 Gollum:
Cara eu ficaria muito mais feliz com a parte do Gollum ( extremamente engraçada) se não fosse pela dublagem. Além de não entender nada do que o antigo portador do anel disse, não conseguia apreciar a cena por lembrar de sua voz em O Senhor dos Anéis.

 Os Anões:
Como eu já havia mencionado antes, não deu muito para gostar muito de apenas um dos anões pela quantidade. Mas toda a história de Erebor e o dragão Smaug, fizeram-me olhar os Anões de outra forma. Pena por sua perda, mas respeito por sua força e objetividade. O filme explicou bem como é um Anão. Elfos são arrumadinhos e organizados, já os pequenos mineiros são extravagantes e gostam de uma boa comida e bebida.

 Conclusão:
Como fã de Senhor dos Anéis e a Terra Média, sinto não ter lido os livros antes para realmente dizer se Hobbit fora fiel as escrituras de Tolkien. Mas pelo visto o filme não decepciona em nenhum aspecto. Como já era imaginado, O Hobbit não conseguiu ultrapassar os Senhor dos Anéis, mas é mais um grande filme a ser visto por todos.





This post first appeared on Blog Vader, please read the originial post: here

Share the post

O Hobbit- Uma Jornada Inesperada

×

Subscribe to Blog Vader

Get updates delivered right to your inbox!

Thank you for your subscription

×