Get Even More Visitors To Your Blog, Upgrade To A Business Listing >>

Coisas que a academia me ensinou



Se alguém, algum dia, me dissesse que eu sentiria falta de malhar eu mandava a pessoa catar coquinho e continuar comendo ( insira aqui alguma coisa bem gordurosa que todo mundo ama). Mas, lembra quando eu falei que ainda bem que as pessoas mudam?

Eu comecei a Academia VÁRIAS vezes e sempre parava com a desculpa mais desnecessária, por exemplo: não vai dar tempo de eu chegar num lugar X, mas eu super queria fazer - ainda usava essa pra não me sentir tão mal assim. Ou aquelas desculpas para faltar do tipo: ontem treinei muito; hoje vou me dar um folga e não vou pra academia... conclusão? Nunca mais eu passava na frente, pra não ter remorso.

Agora eu comecei por indicação médica. Fazendo um resumo para quem chegou agora: em 2016 eu tive uma trombose cerebral e fiquei com o lado direito todo paralisado. Comecei com fisioterapia, acupuntura e ai minha fisioterapeuta me disse em outubro de 2017: "não tem mais o que fazer, temos que ganhar massa. Vai pra academia". Lutei, confesso, mas tô pra te dizer que começar a academia foi uma das melhores Coisas que já fiz nós últimos tempos e vou falar o porquê.

TÁ ESTRESSADO? VAI PARA A ACADEMIA

Real. Não sei se porque as pessoas e o ambiente são tão legais, ou por conta da endorfina que você libera ao fazer exercícios (acho que as duas coisas). Mas é uma coisa que eu só fui descobrindo com o tempo, porque antes eu ia mesmo por obrigação, aquela obrigação de "tá, vou melhorar fazendo academia então não tem como escapar..." e, ainda assim me dava várias desculpas para não ir. A doida né?

VOCÊ APRENDE A COMER MELHOR

De verdade, quando você vê que aquilo da dando resultado você vai se acostumando a comer coisas que antes passava longe. Sou meio suspeita para falar porque amo as coisas naturais desde sempre, mas amava também as gordas, então no final ficava elas por elas. Agora não. Não sou tããão radical igual as pessoas, blogueiras por sinal, fazem. Por exemplo: último Mc Donald's, sorvete, refrigerante... para elas pode até funcionar mas para minha pessoa, e para várias nutris que eu sigo, não funciona. Elas dizem que a falta daquele alimento gera uma compulsão, seja com o alimento em questão ou outros "saudavéis". Eu faço assim: se vou comer algo beeem gordo no jantar do final de semana no almoço eu como uma salada, ou vice versa. 

COMEÇA A SE PREOCUPAR COM A SUA SAÚDE

Conforme você vê os resultados mais profissionais da saúde você vai e mais ainda você quer seguir nas redes sociais. Você aprende qual o "melhor" tipo de açúcar, que as barrinhas de cereais não são tão saudáveis quanto a gente imagina e outras tantas coisas que eram comuns para você que tu passa a ver com outros olhos.  

PENSA ANTES DE COMER

Sempre comi no impulso, hoje já vejo que talvez aquilo que eu comia antes não vai me satisfazer por muito tempo e já vou ficar com fome de novo. Aí você para para pensar a deixar de agir por costume ou "ah só uma coisinha aqui não faz mal", mas de coisinha em coisinha a gente come uma coisona todos os dias.

SUPEREI OS MEUS LIMITES 

Pouca gente sabe mais com 14 anos eu desenvolvi uma anorexia, não gosto muito de falar sobra e acho que isso é para outro post lá na frente. Então, quando eu via meus ossinhos aparecendo já corria e comia de novo para poder engordar, como se fosse um sinal do meu corpo dizendo "come se não ela volta". Hoje eu vejo os mesmos ossinhos e dá aquele pânico, não vou mentir, mas ao invés de comer eu penso "tá tudo bem, é só a academia que tá fazendo efeito, fica calma".

Sua auto estima muda completamente. Você se sente mais disposta a encarar os problemas. Faça um mês, todos os dias (de acordo com a orientação do seu professor e do médico) aí você me conta como se sentiu. Combinado?



This post first appeared on Idealiizar, please read the originial post: here

Share the post

Coisas que a academia me ensinou

×

Subscribe to Idealiizar

Get updates delivered right to your inbox!

Thank you for your subscription

×