Get Even More Visitors To Your Blog, Upgrade To A Business Listing >>

ALEGREMENTE APOIAMOS A BANCA


O que aconteceu com boa parte da banca nacional, foi um desastre monumental, que tem sido um fardo pesadíssimo para todos os portugueses que pagam os impostos devidamente, sem aldrabices e sem espertezas saloias.

É pouco conhecido do público em geral que entre 2008 e 2014 o Estado gastou quase 12 mil milhões de euros com os bancos, que faliram sem que os culpados tenham assumido as suas responsabilidades, nem tenham sido devidamente condenados.

O Governo, este que temos presentemente, pediu este ano 1.017 milhões para despesas com as instituições financeiras, em 2017 gastou 769,4 milhões, e em 2019 vai pedir para gastar mais 885 milhões com a mesma banca.

Os senhores comentadores, muitos deles até são economistas, e por isso deviam estar melhor informados, fartam-se de criticar o dinheiro gasto com os funcionários públicos, mas sobre o dinheiro desperdiçado pelos “excelentes banqueiros”, alguns deles condecorados, e do círculo íntimo de comentadores e políticos destacados, nem sequer uma linha, ou uma frase.

A hipocrisia é imensa, e a subserviência salta à vista de todos.





This post first appeared on O Guardião, please read the originial post: here

Share the post

ALEGREMENTE APOIAMOS A BANCA

×

Subscribe to O Guardião

Get updates delivered right to your inbox!

Thank you for your subscription

×