Get Even More Visitors To Your Blog, Upgrade To A Business Listing >>

Pai





Pai é a semente na terra fértil.
Pai é cuidador.
Pai aceita o papel de segundo plano, apesar do seu Amor não ser em nada inferior ao do outro progenitor.
Pai não acusa nem julga, mesmo nos comportamentos menos correctos.
Pai apoia e incentiva.
Pai é Quem se orgulha dos passos mais minúsculos do seu fruto.
Pai é a figura de respeito.
Pai é a figura de força e protecção que nos prepara para a vida. 
Pai é o nosso porto de abrigo que resiste a todas as intempéries.
Pai é quem nos dá o amor incondicional, mesmo quando menos o merecemos.
Pai está lá, sempre e para sempre, enquanto o seu físico o permitir ficar nesta vida.

Deixaste-me a responsabilidade de Respeitar Quem sou.
Porque respeitar quem sou, é respeitar quem foste.
A cada dia, a minha admiração por ti cresce mais um pouco.
Quanto mais conheço da vida, mais percebo a grandeza do teu ser.
A saudade que deixaste, transmutou-se em força de viver.
Orgulho em poder ter sido um fruto teu.
Porque sou afortunada em ter os teus genes.
Ser sangue do teu sangue é ser a tua continuidade.
A cada dia em que o meu espelho, espelha parte do teu ser, o sentimento de alegria, obriga-me a sorrir para a vida.
Amor, foi a forma em que te eternizaste no meu coração.
Gratidão, foi o sentimento que preencheu a minha alma.


Margarida, in “A tua Margarida”






This post first appeared on 1 Vida 100 Acasos, please read the originial post: here

Subscribe to 1 Vida 100 Acasos

Get updates delivered right to your inbox!

Thank you for your subscription

×