Get Even More Visitors To Your Blog, Upgrade To A Business Listing >>

Lírio Branco


São tuas delicadas pétalas que levemente,
Espalham perfume e memória ao anoitecer,
Embora a noite escura, vejo tua luz qual
Farol em minhas ponderações…

Observo teu elegante porte perpassar incólume,
Me fazendo respirar aliviado ante o porvir,
Silenciosamente choro meus destemperos.

Tua cristalina voz me convida a orar,
Em teu ombro amigo me apoio,
Coberto por teu manto ímpar,
E tua brancura milenar.


This post first appeared on Poesias De Vamberto Pires, please read the originial post: here

Share the post

Lírio Branco

×

Subscribe to Poesias De Vamberto Pires

Get updates delivered right to your inbox!

Thank you for your subscription

×